quinta-feira, 1 de março de 2007

Mais sobre marquises

Hoje o prefeito César Maia fala em proibir a construção de marquises...

Ora, a marquise não é culpada da sua queda e sim a falta de manutenção por parte do proprietário do imóvel e a falta de fiscalização por parte do poder público. Se assim não fosse, teríamos que proibir a construção de prédios de apartamentos após a queda do Palace 2. Risível esta sugestão do nosso prefeito!!!!!

A marquise é um excelente elemento para prover conforto nos deslocamentos a pé no calor do Rio de Janeiro. Às vezes tudo o que queremos é uma sombrinha de uma marquise para continuarmos caminhando com menos calor e suor.

Se cada um cumprir a sua parte a marquise não representa riscos excessivos para a população.

3 comentários:

José disse...

Falta de manutenção por parte do proprietário do imóvel e a falta de fiscalização por parte do poder público, sem dúvida. Mas, e o construtor da marquise, não tem nenhuma responsabilidade?

Vilmar Miranda disse...

Caro José,
Acredito que o construtor tenha que ser responsabilizado, mas nos casos das marquises antigas do Rio de Janeiro não parece que haja problemas construtivos. Há falhas graves de manutenção e mau uso da marquise. Um exemplo disso foi a marquise do Scala que estava com um gerador sobre ela. A marquise não é projetada para este tipo de carga.

Anônimo disse...

Oi,

Desculpe, isso não é um comentário, mas um pedido de ajuda: você saberia como se diz marquise em inglês?
Sou tradutora e estou com dificuldade de encontrar o termo (ou um correspondente).
Obriagada!
Giovana

Intense Debate Comments

Este blog tem atualmente:

Widget by SemNome